Papo Materno

Ensinando o pequeno a compartilhar seus brinquedos

DoeBrinquedo

Hoje, aqui em casa, resolvemos separar os brinquedos que o Victinho não brinca mais para doação. Todo mundo diz que filho único é egoísta, que não sabe dividir, mas não acredito nisto! Acho que a criança precisa aprender sobre a importância de dividir e ser estimulada, isso sim. Não aprender essa lição pode resultar em dificuldades, no futuro, como lidar com situações que exijam ser mais tolerante, por exemplo.

Por aqui sempre conversamos com o Victinho sobre a importância de dividir e até utilizamos livros e histórias que acontecem no dia a dia. Algo que usamos com o Vi para convencê-lo de que dividir pode ser interessante é mostrar as vantagens que terá ao praticar o ato com os coleguinhas. Então, se ele dividir seus brinquedos, poderá brincar junto com os amiguinhos, além de ter acesso aos outros brinquedos também. Isso funciona, principalmente, em situações de conflito, em que os pequenos brigam por algo.

 Um livro muito legal para ler com as crianças é: “ A menina que não gostava de dividir!” Conta a história da Marina, uma menina que ia ao parque com sua mãe todos os dias a tarde e brincava com todos os brinquedos das outras crianças, mas não deixava ninguém brincar com os seus. Então as crianças não gostavam dela. E com o tempo ela foi percebendo isso, e foi ai começou a sentir-se sozinha e triste. Sua mãe, percebendo o que estava acontecendo, ensinou à Marina a importância de dividir seus brinquedos com os amiguinhos.

Hoje, com quase 5 anos, ele já entende a real importância deste ato. Então, hoje foi dia de colocar em prática, mais uma vez, tudo o que conversamos. Ele nos ajudou a separar aqueles brinquedos que estavam esquecidos e que já não brinca há algum tempo. E ficou muito feliz em ajudar! E a mamãe muito orgulhosa!

Os brinquedos serão destinados a outras crianças e, portanto, precisam estar em bom estado. Por isso, os brinquedos quebrados tiveram outro destino.

Onde doar?

Para quem quiser doar brinquedos novos ou usados em bom estado, e não souber onde, segue algumas opções:

– Bazar do GRAAC (Grupo de apoio ao adolescente e a criança com câncer) fica na Rua Botucatu, nº 733 na Vila Clementino, São Paulo, próximo ao metrô Santa Cruz. Mais informações pelo telefone (11) 5080-8514

– Casas André Luiz, que cuidam de pacientes com deficiências intelectuais. Eles retiram as doações em casa nas regiões de São Paulo, Grande São Paulo, Campinas e Sorocaba. Telefone: (11) 2459-7000 ou 0800.733.40.66

– Casa Hope, uma instituição filantrópica que oferece apoio biopsicossocial e educacional à crianças e adolescentes de baixo poder aquisitivo portadores de câncer e transplantados de medula óssea, fígado e rins, vindos de todo o Brasil para fazer o tratamento em São Paulo. Telefone: (11) 5084-7111 ou (11) 5087-7999.

Para quem doa, a sensação de dever cumprido. Para quem recebe, a felicidade de ter o que precisa. #DoeBrinquedo

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s